Como passar em Medicina estudando apenas um ano?

Arthur Menezes de Jesus
Colaborador do Voomp

Crédito: Foto de RODNAE Productions de Pexels.

Você quer passar em Medicina estudando apenas um ano antes do vestibular, mas não faz ideia de como fazer isso? Tudo bem, você está no lugar certo. Neste artigo, você vai ler algumas dicas que podem ajudar a conquistar esse objetivo. Vamos lá?

Ajuste o seu cronograma com base neste ano de estudos

Um bom primeiro passo a ser dado por quem quer passar em Medicina estudando apenas um ano é a construção de um cronograma de estudos. Perceba que essa é uma boa prática para a gestão em qualquer área. Você deve mensurar a entrega, ou seja, os conteúdos que precisam estar dominados até a data da prova. Depois, verificar quanto tempo dentro de sua rotina até essa data estará disponível para o estudo. Com isso, você pode começar a desenhar a sua grade curricular informal, por assim dizer.

Se você perceber, essa sugestão nada mais é do que a transformação do seu estudo pessoal em um curso. Só que, neste caso, tudo será estabelecido especificamente para a sua rotina. Assim, você poderá pensar nas estratégias que funcionam melhor para você, levando em consideração suas forças e fraquezas frente ao conteúdo da prova do vestibular de Medicina. Dicas mais aprofundadas para esta etapa podem ser encontradas no nosso artigo que explica como montar um cronograma.

Elencando prioridades para passar em Medicina

É, depois do primeiro esboço de cronograma, passar apenas um ano estudando Medicina antes do vestibular pode parecer pouco tempo. Principalmente quando a pessoa interessada na vaga tem vários afazeres que precisam continuar em paralelo aos estudos. Contudo, ainda assim é possível buscar esse êxito. Mas, para isso, é necessário elencar prioridades.

Para começar, você deve conhecer o edital da prova. É lá que vão constar as informações básicas sobre o processo seletivo, dentre as quais se encontra o peso de cada disciplina/área dentro daquela avaliação. Você vai notar que Ciências da Natureza e Matemática, por exemplo, contam mais do que outras. Então, você deve destinar muito mais tempo a elas. E, eventualmente, terá até mesmo que deixar de lado algum conteúdo para poder dar profundidade aos mais importantes.

Estude bem e com foco no que está previsto

Ao olhar todo esse caminho a ser percorrido, pode ser que você se desespere e tente equalizar todo o conteúdo contido no edital dentro desse ano. Somado aos demais afazeres, isso pode representar a eliminação dos tempos de descanso ao longo do dia e o encurtamento da noite de sono para poder estudar mais. Mas, aqui vai um spoiler: não é assim que você vai passar em Medicina estudando em um ano.

Antes de tudo, é preciso estudar bem. Aproveitar o tempo em frente ao computador ou aos livros. Para isso, é importante estar em um ambiente propício, descansado (tanto quanto for possível) e concentrado. Com a rotina corrida e a pressão, nada disso é fácil. Mas, ter qualidade no estudo é um grande diferencial. Por isso, vale a pena buscar estratégias que qualifiquem seus momentos de aprendizagem. Por exemplo, você pode conhecer a técnica mindfulness para ter foco nos estudos.

Para passar em Medicina, verifique sua performance em evolução

Feito o cronograma, escolhidos os assuntos que serão estudados e estabelecida a rotina de estudos. Com esse cenário, tudo pode parecer perfeitamente adequado. Mas é aí que você pode estar cometendo um grande engano. Conseguir cumprir as metas estabelecidas para passar por diferentes conteúdos é indispensável, mas, e se você estiver apenas tendo contato com tudo isso sem aprender?

É impossível ter certeza absoluta de que se está preparado para uma prova. Mas há formas de descobrir se você está no caminho certo antes de olhar a primeira página da tão temida avaliação. Há como saber se você está próximo de conseguir vencer o desafio de passar em Medicina estudando por apenas um ano. É possível encontrar na internet as provas anteriores do certame ao qual se pretende concorrer. Além disso, há também simuladores disponíveis. Testar-se nessas provas acaba trazendo dois benefícios: verifica se você está realmente estudando os assuntos que são mais frequentes na prova e se está tendo a compreensão exigida.

Iniciamos falando que é uma boa ferramenta de gestão estabelecer um cronograma. E, de fato, metas são saudáveis. Mas avaliações constantes e readequações também fazem parte do processo. Se você precisar estudar mais um assunto sobre o qual havia imaginado focar menos tempo, tudo bem. O importante aqui é ter clareza de suas escolhas e seguir firme.

Passar em Medicina estudando um ano depende de motivação

Ir mal em um teste pode ser um duro golpe. Mas, esse está longe de ser o único desafio ao longo de uma jornada como essa. Muitos serão os motivos para desistir e você deve saber lidar com as frustrações e privações caso queira atingir o seu objetivo. Os motivos para seguir em frente, então, devem prevalecer. Eles é que vão lhe conduzir a passar em Medicina estudando apenas um ano.

A motivação é fundamental para a aprendizagem e isso está comprovado cientificamente cada vez mais. Inclusive, a neurociência reafirma o que diziam os autores clássicos nesse sentido, como aponta matéria da Nova Escola. Por isso, não deixe de lado a determinação enquanto estiver estudando para Medicina. Um vídeo inspirador pela manhã, uma música que anima, uma olhada nos boletos ou mesmo abrir o Instagram de um famoso que expõe seu luxo, seja lá o que funcione para você, faça o que for preciso e garanta a sua motivação em dia.

Não se desespere na hora da prova

“Estudei um ano inteiro para Medicina e, agora, não sei nada!” Acredite, essa pode ser a sua sensação ao se deparar com as primeiras questões da prova. O fator emocional conta muito nesses momentos, por isso, pode valer a pena gastar um tempo em si mesmo antes de focar nos conteúdos. Isso porque, para fazer bem as questões, é importante estar minimamente calmo e concentrado.

Para que isso ocorra, tudo o que não pode acontecer é você se desesperar em meio à prova. Por mais desafiador que possa parecer, sempre há como se manter centrado, ou mesmo voltar ao foco. Cuide da sua respiração, tome controle do seu fluxo de pensamentos e reorganize seu raciocínio para o objetivo. Com isso, você se sairá muito bem.

 

É uma trajetória e tanto, não? Caso ache difícil se preparar sozinho para o vestibular, não deixe de conferir o Plano Stoodimed do cursinho pré-vestibular Stoodi, que conta com aulas, exercícios, cronograma de estudos personalizado, simulados com relatório de desempenho e conteúdos aprofundados exclusivos de Medicina. 

Até a próxima!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.2 / 5. Número de votos: 56

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.