O que faz o teólogo?

Redação Voomp
Colaborador do Voomp

Crédito: Imagem: Reprodução

Inicialmente, os teólogos podem trabalhar em várias áreas, além disso é possível dizer que as principais são o ministério e a educação em geral. Igualmente a teologia é o estudo de Deus, ou em certos casos deuses e divindades.

De início, os teólogos fazem os estudos de livros sagrados como a Bíblia, e também como trabalhar com ferramentas sagradas, como a hermenêutica, por exemplo. Por outro lado, os teólogos cristãos também estudam ramos diferentes da Teologia:

  • A Teologia Sistemática: que busca entender Deus, o Homem e o Pecado, baseando-se na Cristologia e na Escatologia.
  • A Teologia Prática: que aborda a Teologia Pastoral, o Aconselhamento e as Relações Comunitárias.
  • A Teologia Apologética; que busca compreender as Defesas da Fé, junto com determinadas técnicas e estratégias de pregação.

Para resumir, o teólogo é alguém que dedica a sua vida à vocação escolástica de buscar o conhecimento de Deus e das coisas de Deus. Nesse sentido, o profissional se dedica ao estudo das religiões, seus rituais e doutrinas, além de seus dogmas de textos sagrados.

Igualmente, é possível que essa pessoa acabe usando outras disciplinas como a História, Psicologia, Sociologia e Filosofia para entender certas práticas religiosas. Juntamente com a compreensão de seus impactos sobre a vida das pessoas e sociedade em diferentes situações.

Em suma, a maior oportunidade de emprego para quem é teólogo se trata de trabalhar em alguma pastoral ou igreja. Ou quem sabe trabalhar como educador e num seminário ou universidade. Paralelamente, há quem trabalhe com pesquisa e escreva livros, mas isso geralmente é feito levando em conta algumas das principais ocupações.

Por incrível que pareça, em determinados países a maioria dos padres não são teólogos, isso é verdade na maioria dos países europeus e mesmo nos EUA. Isso significa que a maioria dos teólogos ensina Teologia.

O que faz um teólogo?

À princípio. Teologia é o estudo da religião, examinando a experiência humana de fé e como as diferentes pessoas e culturas a expressam. Logo, os teólogos examinam as muitas religiões diferentes no mundo e o seu impacto na sociedade.

Afinal de contas, hoje estamos mais conscientes do que nunca da grande influência que a religião possui sobre nós, por mais que não a sigamos. Então, entender isso pode te ajudar a compreender as guerras, leis, moral e tradições que seguem firmes até a atualidade.

Assim, os teólogos têm a difícil tarefa de debater e pensar sobre a natureza de Deus. Ou seja, estudar Teologia significa enfrentar questões desafiadoras sobre o significado da religião. Também é necessário ser capaz de enfrentar questões desafiadoras sobre a religião e a fé de forma equilibrada e informada.

Por mais que alguns estudantes façam teologia em preparação para uma carreira nas igrejas, você não precisa ser um grande religioso para que tenha genuíno interesse em religião. Da mesma maneira, você pode ser uma pessoa com determinada religião, mas que está com vontade de conhecer outras crenças.

Geralmente, o ramo mais dinâmico sobre a teologia envolve a aplicação dos princípios teológicos e conclusões sobre como devemos levar as nossas vidas em ambientes modernos. Nesse sentido, os domínios mais abstratos do que os teólogos fazem é tornar compreensíveis os mistérios complexos.

O que você aprende no curso de Teologia?

Aparentemente, um diploma de teologia pode abranger uma variedade de religiões diferentes, ou pode olhar especificamente para apenas uma, duas ou três. Nesse caso, tudo depende dos requisitos do curso e das opções de matérias em cada módulo ou semestre. Porém, qualquer curso de Teologia, provavelmente terá inclusive certos módulos sobre a história de uma ou mais religiões.

Então, serão ensinadas instruções advindas de textos religiosos, como o Alcorão, a Torá e a Bíblia, por exemplo. Logo, os alunos irão discutir o significado desses textos religiosos para responder perguntas. Algumas delas podem ser de assuntos delicados como até que ponto os textos estão abertos à interpretação.

Além do mais, certas faculdades oferecem aos alunos a chance de aprenderem sobre os textos na sua língua original, como o grego, hebraico ou árabe. Igualmente, certos cursos aceitam alunos que trabalham com traduções de textos, para outros. Se tornando assim um requisito para aprender uma língua antiga.

Por vezes, os diplomas em teologia abrangem algumas das discussões filosóficas e éticas mais desafiadoras de todos os tempos, de modo a mergulhar nas mentes dos grandes teólogos do passado. Mas isso depende muito do curso, outros buscam estudar as relações entre a igreja e diferentes grupos sociais, como indígenas e mulheres, por exemplo.

O que é necessário para ser um teólogo?

Antes de qualquer coisa, para ser um teólogo, um requisito básico comum é de que os candidatos tenham experiência em redação. Também é indicado que você estude pelo menos alguns assuntos em inglês e ensaios em História e Filosofia clássica. Isso até ajudará a demonstrar a habilidade necessária para que os conhecidos ensaios de teologia sejam escritos.

Ao ingressar na faculdade normalmente não é exigido nenhum tipo de conhecimento em algum assunto em particular. Embora você tenha a chance de fazer algum curso de teologia antes da faculdade, é recomendado estudar para ver se é o assunto certo para você.

O que faz o profissional recém-formado?

Na maioria das vezes, um diploma em teologia é uma passo em direção ao seu trabalho dentro de alguma igreja. Além de que um diploma em teologia é um bom ponto inicial para qualquer pessoa disposta a seguir a sua fé. Independentemente se for como um ministro, pastor, ou mesmo trabalhador jovem.

Muitas vezes os estudantes de Teologia acabam a faculdade e partem para estudos adicionais. Como no ensino ou carreiras com uma ampla variedade de abrangência. Assim, os alunos usam no futuro o pensamento crítico para a resolução de problemas.

Por essa razão, os recém-formados teólogos passam a trabalhar como políticos, jornalistas, policiais, contadores e mesmo designers de interiores. Como você pode imaginar, o espectro de possibilidades acaba sendo ilimitado.

Não por acaso, é possível ver pessoas até mesmo famosas e em diversas carreiras que um dia fizeram Teologia. Um bom exemplo disso é Jack Gleeson, que interpreta Joffrey. Lannister na série Game of Thrones, ele se matriculou no curso após seu tempo no programa.

Gostou do nosso conteúdo? Confira mais um artigo:quanto ganha o teólogo?”.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 10

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.