Quanto ganha um profissional de Eventos?

Beatriz Scotti
Colaborador do Voomp

Crédito: Foto: RODNAE Productions de Pexels

Na hora de escolher a profissão existem diversos fatores que as pessoas costumam levar em consideração. Com a carreira como profissional de Eventos não é diferente. Alguns deles são, afinidade com a área, habilidades necessárias, salário depois de formado, entre outros.

Porém, algumas das informações que as pessoas procuram podem não ser muito fáceis de encontrar. Pensando em te ajudar, resolvemos juntar aqui as principais informações que você pode precisar para ter certeza que o CST em Eventos é para você. 

Além disso, vamos mostrar também o quanto ganha um profissional dessa área. Quais os tipos de pagamento mais comuns do mercado de eventos. E também completar com dicas de onde trabalhar e como se destacar nesse mercado.

O que um profissional de Eventos precisa saber?

Quem nunca precisou organizar um evento, não tem noção da quantidade de preparativos e pessoas envolvidas para fazer algo acontecer. O profissional de Eventos, para ser bem sucedido, precisa saber como captar, planejar, organizar e avaliar atividades relacionadas a eventos. Porém, além disso, também é necessário ter contato com pessoas de todas as áreas, conhecer fornecedores, saber negociar valores.

O trabalho com eventos é muito dinâmico. Sendo assim, a pessoa que deseja trabalhar com isso precisa estar pronta para lidar com os mais diversos problemas, se programar para contingências. Saber lidar com pessoas, ser bom em organização.

Além disso, o profissional também precisa:

  • Ser organizado. 
  • Ser criativo;
  • Ter comunicação clara, empática, eficiente e não-violenta;
  • Ter proatividade;
  • Espírito de liderança;
  • Trabalhar bem em equipe;
  • Relacionar-se de forma respeitosa com todo e qualquer grupo;
  • Escuta ativa e atenta;
  • Atento com as tendências;
  • Realizar uma boa análise de nicho;
  • Compreender as necessidades tanto de quem fornece os recursos para os eventos, como do público que o frequenta;
  • Demonstrar iniciativa;
  • Elaborar cronograma;
  • Saber lidar com a mídia;
  • Ser persuasivo.

O que estudar para trabalhar com Eventos?

Primeiramente, saiba que existe uma formação específica em eventos. Isso mesmo, é o Curso Superior de Tecnologia em Eventos.

Para ajudar na sua busca, segue algumas opções de instituições do grupo Kroton que oferecem o curso:

Além disso, nas instituições mencionadas, a grade curricular foi pensada para preparar o aluno a atuar em todos os aspectos da organização e coordenação de eventos nos diversos segmentos, artísticos, esportivos, culturais, corporativos, sociais e religiosos.

Entre as matérias ensinadas no CST em Eventos estão​​ Gestão De Projetos E Eventos, Gestão Do Lazer, Recreação e Entretenimento, Legislação Aplicada a Eventos, Logística e Gestão da Qualidade, Marketing de Produtos e Serviços e muitas outras.

Além disso, algo muito importante para um profissional que queira trabalhar com eventos, são os contatos. Você precisa ter contatos com fornecedores de todos os tipos, que vão te ajudar a transformar o evento em realidade.

Portanto, além de estudar e saber como se planejar, também aproveite o curso para fazer contatos, conhecer profissionais e muito mais. Você vai ver como faz a diferença na hora de contratar um profissional, já ter um contato de um que você conheça e confie.

Mercado de trabalho para um profissional de Eventos

À primeira vista, muitas pessoas pensam que o mercado de eventos, apesar de ser promissor, é muito fechado.  Porém isso não é verdade. O profissional dessa área pode trabalhar na organização de eventos dos mais diversos tipos, como por exemplo:

  • Artísticos, 
  • Esportivos, 
  • Culturais, 
  • Corporativos, 
  • Sociais e 
  • Religiosos.

Afinal, seja de casamentos a shows, eventos de empresas, viagens de turismo, passeios ecológicos, tudo pode ser arranjado por um profissional de eventos. 

Por exemplo, tem alguma data comemorativa chegando? Que tal organizar uma passeata para marcar a data? Um profissional de eventos vai saber quais as necessidades de um evento desse tipo, quais as permissões necessárias. Além disso, também vai saber onde precisa ir, com quem falar e o que fazer para transformar esse ou qualquer outro evento em realidade.

Além disso, é muito comum encontrar algumas funções exercidas independente do tipo de evento. Algumas delas são:

  • realizar prestação de contas;
  • administrar correspondências;
  • intermediar interesses;
  • alugar carros;
  • coordenar montagem da infraestrutura do evento;
  • levantar necessidades de recursos humanos, materiais e financeiros;
  • buscar patrocínios e apoios;
  • realizar pesquisas;
  • controlar prazos de reservas;
  • liberar ordem de pagamento do serviço prestado;
  • demonstrar fluência verbal;
  • preparar cerimonial e/ou roteiro;
  • contratar fornecedores de serviços;
  • comunicar-se;
  • coordenar realização de eventos;
  • organizar eventos.

Quanto ganha um profissional de Eventos?

Primeiro, é preciso entender que o salário de um profissional de Eventos pode variar bastante. Existem profissionais que trabalham em empresas e que recebem um salário fixo. Porém, o mais comum nesse ramo são profissionais que ganhem uma comissão.

Além disso, esse tipo de profissional costuma ter uma renda extremamente variável, afinal existem alguns meses em que a busca por eventos é maior, enquanto em outros meses o número de eventos acontecendo é significativamente menor.

Porém, é possível pegar o valor recebido nas épocas de mais procura e dividir ao longo do ano, para se ter uma média de renda. Lembrando que esse é o caso para os profissionais que trabalham com comissão por evento.

Sendo assim, de acordo com uma pesquisa feita pelo site salario.com o valor inicial que um profissional do ramo recebe mensalmente é R$ 1.794,64. Porém, existem casos em que o valor ultrapassa os  R$ 5.000,00. Tudo vai depender do tipo de serviço oferecido. Procura por eventos na sua região. Sua lista de contatos e de indicações. 

Do mesmo modo, mesmo trabalhando para uma empresa e tendo um salário fixo, caso você consiga atrair novos negócios para a empresa, você pode conseguir melhor sua remuneração. Por exemplo, com prêmios, bônus, comissões, ou até mesmo um aumento no seu salário mensal.

Por isso, lembre-se sempre de se manter atualizado, ligado nas novidades da sua área. De manter sua rede de contatos sempre em dia. E de oferecer sempre o seu melhor.

E se você gostou dessa matéria, vai gostar também dessas outras que separamos para você sobre o curso e o profissional de eventos.

Curso Superior em Eventos: qual a duração?

O que é o curso de CST em Eventos?

Tudo o que você precisa saber sobre o CST em Eventos

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.